18 de mar de 2012

ALCANÇAR A PAZ


Esta semana senti que deveria ler o capitulo 19  do texto do Um Curso em Milagres.  Apesar de ter lido inúmeras vezes, desta vez o que li me afetou de uma maneira muito profunda e decidi compartilhar com vocês o que penso destes ensinamentos. 

Como este capitulo “Alcançar a Paz” cobre vários conceitos vou apenas falar daqueles que tiveram relevância para mim neste momento da minha vida.

Um dos conceitos  eh o do perdão, discutido de uma forma mais profunda, expandindo o significado deste ensinamento, reforçando a importância do perdão no desenvolvimento espiritual.  O outro ensinamento que me tocou muito profundamente foi a explicação dos dois sistemas de pensamentos que dominam a mente.  

O parágrafo 7 do capitulo 19, dizA verdade e a ilusão não tem nenhuma conexão.  Isso permanecera para sempre verdadeiro, por mais que busques conectá-las.  Mas as ilusões são sempre conectadas entre si assim como a verdade.  Tanto as ilusões quanto a verdade são coesas internamente, formando um sistema de pensamento completo, ainda que totalmente desconexo em relação ao outro. E perceber isso eh reconhecer onde esta a separação e onde ela tem que ser curada.  O resultado de uma idéia nunca esta separado de sua fonte.  A idéia da separação produziu o corpo e permanece conectada a ele, fazendo com que o corpo seja doente devido a identificação da mente com ele.  Pensas que estas protegendo o corpo ocultando essa conexão, pois esconde-la parece manter a tua identificação a saldo do “ataque” da verdade.”

Este parágrafo me relembrou onde a origem da luta esta. 

Para aqueles que não sabem ainda o que a separação significa no contexto do Um Curso Milagres, aqui esta a explicação parcial contida  no Glossary escrito por Dr. Kenneth Wapnick: "separação eh a crença que afirma uma identidade separada do nosso Criador".

Estes dois sistemas de pensamentos são completamente opostos um do outro, influenciando cada decisão que tomamos, causando o conflito, a dualidade e o caos, dificultando o equilíbrio interno. Esta luta interna eh muito debilitante.

Um sistema eh baseado no medo, na ilusão. O outro sistema, o divino, eh baseado no amor. O amor se estende, o medo ataca. O amor perdoa, o medo acusa.

O desafio eh sempre de como fazer a transição de uma sistema para outro.  Uma das maneiras discutidas neste capitulo eh através do perdão, baseada na fe.  a fe eh o oposto do medo” 

De uma maneira intelectual sabemos, principalmente os estudantes do Um Curso em Milagres, que a fe tem sido o ingrediente principal para a caminhada espiritual.  Mas como todos os princípios do Curso, cada um opera em diversos níveis de profundidade.  Cada um deles, de repente, tem uma dimensão muito mais profunda do que pensávamos dois minutos antes.

Fe, para a maioria da população  eh um sentimento abstrato, que  precisa de afirmação constante de que o universo esta ajudando, precisando de provas, de sinais do universo que tudo esta bem, para validar a sua Fe.   Sem saber que uma parte da sua mente esta sempre ligada a forca divina, o ser humano esta sempre a procura de resultados tangentes para manter a fe.

Mas existe uma outra definição da fe, que eh muito mais profunda, muito mais difícil de se praticar, porque esta fe requer a aceitação de que todos os seres humanos compartilham de uma mente única. Outra dimensão desta Fe, eh a aceitação do próximo como Espírito. Quando aceitamos esta possibilidade, que não somos separados pelo corpo, mas unidos pelo Espírito, começamos a ver o próximo de uma maneira diferente. Uma vez que começamos a pensar desta maneira, o julgamento, a recriminação, o passado e o ressentimento ao próximo desaparece. Se conseguirmos eventualmente aceitar as pessoas no presente, sem trazer os acontecimentos passados para o presente, aprendemos finalmente a nos relacionar com as outras pessoas de uma maneira divina.

Expandir esta Fe, eh aceitar que a separação nunca ocorreu, que mesmo neste mundo que parece ser caótico, existe amor.  Manter dentro de si que os corpos que vê, são apenas uma criação da mente criada pelo ego.  Esta certeza junto com a afirmação de que a separação nunca aconteceu, servem de base para fortalecer a mente sã, enfraquecendo a do ego. 

A fe eh o reconhecimento e aceitação do poder universal, da existência da energia positiva que faz parte de todos.  Quando nos distanciamos desta energia, vivemos uma vida falsa, sem rumo, onde o corpo eh a essência, a prova de quem somos.

A fe num nível mais profundo requer que a mente aceite sem questionar a bondade do Espírito que existe em cada um que encontramos, que o perdão seja dado sem julgamentos pelos erros que pensamos existir no próximo.  Para facilitar este sentimento temos que expandir a função  do Espírito Santo na vida diária. 

O Curso diz que somos indulgentes, que deixamos a mente manter a ilusão da separação.  Desde que li este parágrafo acima, sobre os dois sistemas de pensamentos,  tenho pensado muito em como fazer para diminuir a influencia do ego na minha mente.

Uma das coisas que venho praticando mentalmente eh o pensamento consciente de aceitação da Salvação, do At onement.  Tento varias vezes por dia pensar que a separação nunca existiu.  Mas alem de pensar, eu sinto a conexão com o universo, como verdadeira, através da emoção.  Aceito dentro de mim, esta ligação.

Quanto ao ego, imagino que como não sou apenas um corpo mas Espírito, que este sistema de pensamento não eh verdadeiro.  Mas vou alem deste sentimento, me negando a participar de princípios falsos.

Qual e o lado da minha mente que quero alimentar?  Esta eh a pergunta que faço conscientemente.  Analisei todos as coisas que faço para alimentar este lado que tenho, como uso o tempo para me distrair da idéia de quem sou.

Quando analiso desta maneira, cada atitude, cada pensamento, posso ver a onde o ego esta influenciando as minhas decisões.  Com esta informação, posso conscientemente pedir ao Espírito Santo, que eh a parte ligada ao universo, que me ajude a ver o mundo através de Sua visão.

Este conceito nao  eh novo para mim, mas esta sendo lidado de uma maneira diferente, porque de alguma maneira eh onde preciso estar.  

Considero o que escrevi apenas uma gota d’água no oceano e que o crescimento espiritual consiste de uma serie de insights como o que tive esta semana. Mas tenho fe que se continuar a deixar o meu Ser sentir o que o universo esta me dizendo, aos poucos vou me deixando ser levada neste caminho circular, amparada pelo o universo. Ficando cientes destes dois sistemas poderosos de pensamento eh extremamente importante.  Acredito que conhecimento eh poder.

Mesmo depois de anos de estudos, fui relembrada mais uma vez que o ego na sua maneira intrincada de pensar, as vezes me faz esquecer que existe simplicidade na fe. 

Nestas horas eu me lembro da lição 109 “Eu descanso em Deus”
Esta lição me ajuda muito porque quando me sinto cansada de percorrer este caminho, sempre entre o ego e o Ser, eu posso contar com um Deus que me recebe de braços abertos, com carinho, passando a mao pela minha cabeça, dizendo que estou sendo iluminada por Ele, e que se parar um pouco eu posso ate ouvir a sua Voz. 

Apesar de entender que Deus não eh uma pessoa sentada esperando o meu chamado, mas uma fonte de energia eterna dentro de mim, fora de mim, abrangendo tudo que eh, as palavras da lição me confortam em saber que posso imaginar o meu Deus em certos momentos, da maneira que quero e que Ele me entende.

Um comentário:

Lena Rodriguez disse...

O caminho sempre começa com o primeiro passo... Portanto, minha prática tbm tem sido resumida dentro desses moldes que vc colocou:
"Qual e o lado da minha mente que quero alimentar? Esta eh a pergunta que faço conscientemente. Analisei todos as coisas que faço para alimentar este lado que tenho, como uso o tempo para me distrair da idéia de quem sou.

Quando analiso desta maneira, cada atitude, cada pensamento, posso ver a onde o ego esta influenciando as minhas decisões. Com esta informação, posso conscientemente pedir ao Espírito Santo, que eh a parte ligada ao universo, que me ajude a ver o mundo através de Sua visão..."

Entrego sempre pela manhã ao acordar minha e pensamentos ao Espírito Santo, peço que Ele comande o meu dia... No decorrer, procuro estar presente e me dar conta de que tudo é um sonho que criei, de acordo com os pensamentos que surgem, perdoo a mim e a quem estiver envolvido, pois é somente minhas percepções, não existem de fato e assim... “Eu descanso em Deus”...
Grata pela partilha.