31 de mar de 2012

USANDO A MINHA IMAGINAÇÃO..........

O que vemos eh simplesmente uma reflexão do mundo interno.  Para os estudantes do Um Curso em Milagres, este conhecimento eh básico.  Mas para a maior parte da população, esta informação, infelizmente, eh ainda um mistério. 

Mesmo sabendo que o que vemos reflete o que pensamos,  ainda estamos presos as reações do passado, mesmo que seja por momentos.  Quantas vezes, culpamos alguém pelas nossas tristezas ou ressentimentos?  Mesmo sabendo que estamos presos a ilusão do ego, mesmo sabendo que estamos projetando, mesmo assim, ainda deixamos os  pensamentos negativos dominarem a mente. A única maneira de resolver este problema eh conscientemente  mudando esta maneira de pensar, eventualmente permitindo a Verdade do Espírito prevalecer na mente.

E qual eh a Verdade do Espírito?  Que tipo de vida teríamos, vivendo esta Verdade?  

Para responder esta pergunta preciso usar a minha imaginação, baseada no conhecimento que tenho dos princípios do Um Curso em Milagres, porque como todos os habitantes deste mundo,  ainda estou no processo de auto conhecimento.  Insights vem e desaparecem, informações, revelações acontecem, algumas horas de vivencia dentro da Verdade ocorrem, mas nada permanece.  Simplesmente porque como todos, ainda estou presa as ilusões. 

Mas nada me impede de usar a minha imaginação para criar um mundo cheio de bondade, amor e caridade.  Baseada naqueles pequenos momentos onde o ego foi sobrepujado pelo Ser, talvez durante a meditação ou contemplação, posso imaginar o que uma vida vista através da visão prometida pelo Curso deve ser.


Imagino vivendo num mundo cheio de alegria, sem mágoas, dores ou ressentimentos.  Cheio de amor, cheio de confiança, cheio de possibilidades, ligados pela mente divina.  Somos uma ideia na mente de Deus.

Nesta altura  “Quero olhar para as testemunhas que me mostram que o pensamento do mundo mudou. Quero contemplar a prova de que o que tem sido feito através de mim tem capacitado o amor a substuir o medo, o riso a substituir as lagrimas, e a abundancia a substituir a perda. “

Olhando para o mundo real, sinto uma conexão infinita com todos a minha volta. Deixei para traz todos os pensamentos da miséria que via anteriormente, substituindo por pensamentos de alegria.  Apesar deste mundo ser ainda parte do ego, eh um mundo muito mais iluminado, onde a paz reina o tempo todo.

Na minha imaginação, posso sentir a grandeza da minha alma, da minha existência santa, quem sou.  Posso sentir a forca universal sempre comigo, parte da energia mágica onde não existe separação. 


Quando olho para o que me rodeia, vejo a energia de cada coisa, de cada pessoa, brilhando na minha frente.  Porque, “Minha santidade envolve tudo o que vejo” Esta santidade vem da forca interna localizada no centro de meu corpo, dos "rays of light" que estão centralizados na área do meu coração. Esta santidade abrange a todos.  A culpa do mundo desaparece, o perdão dos pecados imaginários dissolve qualquer pensamento de ilusão.

“Deus vai comigo aonde quer que vá” O que mais poderia desejar, do que conscientemente saber que cada passo que dou, Deus esta comigo, cada pensamento eh feito junto com Ele?

A Sua influencia eh sempre presente.  Não posso ver nada que não seja dentro da Sua visão, a minha forca vem Dele, como vejo o meu irmão eh da mesma maneira que Ele vê.  Nada eh feito, aparte de Sua visão.  Este mundo eh cheio de amor, de união.

“Deus eh o Amor no qual eu perdôo.”  Dentro de Sua influencia, reconheço que não preciso perdoar porque o perdão faz parte da ilusão.  Que alivio reconhecer que nada do que pensava era real, ate mesmo o perdão.

“Não ha nada a temer. Como o mundo me parecera seguro quando eu puder vê-lo!” “Tudo e todos que eu vejo se inclinarão para mim para abençoar-me." "Reconhecerei em cada um o meu mais caro Amigo. O que poderia haver para temer num mundo que eu perdoei e que perdoou a mim?”

De repente me conscientizo que “Eu sou a luz do mundo”
Com esta idéia na mente, eu vou pelo mundo distribuindo esta luz na certeza que faço parte de um plano de uma beleza imutável, cheia de felicidade e amor.
Este eh o mundo que imagino existir quando vivemos na realidade.  Este mundo me atrai, me chama, me seduz, me incentiva a continuar esta viagem interna em busca da Verdade.  Ela esta dentro de mim.  Eu sei disto.

Se lembra da canção divina, que esta sempre nos chamando, que podemos ouvir se prestarmos atenção?  Ela esta sempre tocando, temos que parar de vez em quando, ficarmos quietos para nos lembrar de onde ela vem.  

Desejo que a Verdade que esta dentro de nos se torne uma realidade. 

19 de mar de 2012

SEMANA SANTA

O Curso é uma combinação dos insights da psicologia moderna, com a espiritualidade e sabedoria das filosofias ensinadas no Oriente e os princípios originais usados nas religiões do Ocidente.  

Muitos dos conceitos da Igreja diferem do Um Curso em Milagres, como por exemplo a crucificação e a ressurreição.

O catolicismo ensina que Jesus morreu na cruz para expiar os nossos pecados. Esta ideia, de ser responsável pela morte de alguém, especialmente um profeta, provoca um profundo sentimento de culpa. Para uns a Salvação começou com a crucificação. De acordo com a crença ensinada pela Igreja, Ele morreu na cruz para nos salvar. Esta crença vem da projeção da mente.  Acreditar nesta ilusão, gera imediatamente o medo da punição, dor e sacrifício. Muitos ainda estão presos de uma maneira inconsciente, a culpa e o medo de Deus.

Esta mentalidade tem dominado o mundo egoico.  Estamos sempre projetando a culpa que carregamos.  O Curso diz muito claramente que eh hora de sairmos da cruz que criamos, colocar de lado a coroa de espinhos que usamos na cabeça e remover os pregos do corpo.  Esta imagem representa o que sentimos, como pensamos, como agimos sem estarmos conscientes do que fazemos


Mas de acordo com os ensinamentos do Curso, aos olhos de Deus somos perfeitos. Para Ele a vida eh eterna, representado pela ressurreição "a liberação da culpa pela inculpabilidade." 

A ressurreição representa alegria.  A renovação do espírito.  A vontade de transcender a mente, de ser livre, deixando a ilusão da dor, da culpa, para trás.

“A tua ressurreição eh o teu despertar.”  A renovação do espírito representa a aceitação da Verdade, da possibilidade de acordar, da transformação da mente através do Espírito Santo, aceitando o Salvação para si.

Esta transformação da mente envolve a Visão do Espírito, onde o amor eh possível, as dores e a culpa são trazidos a luz, a projeção da culpa ao próximo eh eliminada. Vendo o seu irmão na sua perfeição, onde o julgamento termina, a projeção desaparece, o medo se transforma em amor e o mundo de infelicidade desaparece.

Aos poucos, podemos transformar estas palavras em realidade, nada nos impede de chegar a este ponto.  Apenas temos que continuar a trabalhar para este propósito com a ajuda do universo e estar disposto a ver o seu irmão como Espírito.

Vamos celebrar a Páscoa, com a certeza no coração que a crucificação faz parte da ilusao, mas que a ressurreição eh um exemplo do Espírito.

Recomendo o capitulo 20 Semana Santa. 

18 de mar de 2012

ALCANÇAR A PAZ


Esta semana senti que deveria ler o capitulo 19  do texto do Um Curso em Milagres.  Apesar de ter lido inúmeras vezes, desta vez o que li me afetou de uma maneira muito profunda e decidi compartilhar com vocês o que penso destes ensinamentos. 

Como este capitulo “Alcançar a Paz” cobre vários conceitos vou apenas falar daqueles que tiveram relevância para mim neste momento da minha vida.

Um dos conceitos  eh o do perdão, discutido de uma forma mais profunda, expandindo o significado deste ensinamento, reforçando a importância do perdão no desenvolvimento espiritual.  O outro ensinamento que me tocou muito profundamente foi a explicação dos dois sistemas de pensamentos que dominam a mente.  

O parágrafo 7 do capitulo 19, dizA verdade e a ilusão não tem nenhuma conexão.  Isso permanecera para sempre verdadeiro, por mais que busques conectá-las.  Mas as ilusões são sempre conectadas entre si assim como a verdade.  Tanto as ilusões quanto a verdade são coesas internamente, formando um sistema de pensamento completo, ainda que totalmente desconexo em relação ao outro. E perceber isso eh reconhecer onde esta a separação e onde ela tem que ser curada.  O resultado de uma idéia nunca esta separado de sua fonte.  A idéia da separação produziu o corpo e permanece conectada a ele, fazendo com que o corpo seja doente devido a identificação da mente com ele.  Pensas que estas protegendo o corpo ocultando essa conexão, pois esconde-la parece manter a tua identificação a saldo do “ataque” da verdade.”

Este parágrafo me relembrou onde a origem da luta esta. 

Para aqueles que não sabem ainda o que a separação significa no contexto do Um Curso Milagres, aqui esta a explicação parcial contida  no Glossary escrito por Dr. Kenneth Wapnick: "separação eh a crença que afirma uma identidade separada do nosso Criador".

Estes dois sistemas de pensamentos são completamente opostos um do outro, influenciando cada decisão que tomamos, causando o conflito, a dualidade e o caos, dificultando o equilíbrio interno. Esta luta interna eh muito debilitante.

Um sistema eh baseado no medo, na ilusão. O outro sistema, o divino, eh baseado no amor. O amor se estende, o medo ataca. O amor perdoa, o medo acusa.

O desafio eh sempre de como fazer a transição de uma sistema para outro.  Uma das maneiras discutidas neste capitulo eh através do perdão, baseada na fe.  a fe eh o oposto do medo” 

De uma maneira intelectual sabemos, principalmente os estudantes do Um Curso em Milagres, que a fe tem sido o ingrediente principal para a caminhada espiritual.  Mas como todos os princípios do Curso, cada um opera em diversos níveis de profundidade.  Cada um deles, de repente, tem uma dimensão muito mais profunda do que pensávamos dois minutos antes.

Fe, para a maioria da população  eh um sentimento abstrato, que  precisa de afirmação constante de que o universo esta ajudando, precisando de provas, de sinais do universo que tudo esta bem, para validar a sua Fe.   Sem saber que uma parte da sua mente esta sempre ligada a forca divina, o ser humano esta sempre a procura de resultados tangentes para manter a fe.

Mas existe uma outra definição da fe, que eh muito mais profunda, muito mais difícil de se praticar, porque esta fe requer a aceitação de que todos os seres humanos compartilham de uma mente única. Outra dimensão desta Fe, eh a aceitação do próximo como Espírito. Quando aceitamos esta possibilidade, que não somos separados pelo corpo, mas unidos pelo Espírito, começamos a ver o próximo de uma maneira diferente. Uma vez que começamos a pensar desta maneira, o julgamento, a recriminação, o passado e o ressentimento ao próximo desaparece. Se conseguirmos eventualmente aceitar as pessoas no presente, sem trazer os acontecimentos passados para o presente, aprendemos finalmente a nos relacionar com as outras pessoas de uma maneira divina.

Expandir esta Fe, eh aceitar que a separação nunca ocorreu, que mesmo neste mundo que parece ser caótico, existe amor.  Manter dentro de si que os corpos que vê, são apenas uma criação da mente criada pelo ego.  Esta certeza junto com a afirmação de que a separação nunca aconteceu, servem de base para fortalecer a mente sã, enfraquecendo a do ego. 

A fe eh o reconhecimento e aceitação do poder universal, da existência da energia positiva que faz parte de todos.  Quando nos distanciamos desta energia, vivemos uma vida falsa, sem rumo, onde o corpo eh a essência, a prova de quem somos.

A fe num nível mais profundo requer que a mente aceite sem questionar a bondade do Espírito que existe em cada um que encontramos, que o perdão seja dado sem julgamentos pelos erros que pensamos existir no próximo.  Para facilitar este sentimento temos que expandir a função  do Espírito Santo na vida diária. 

O Curso diz que somos indulgentes, que deixamos a mente manter a ilusão da separação.  Desde que li este parágrafo acima, sobre os dois sistemas de pensamentos,  tenho pensado muito em como fazer para diminuir a influencia do ego na minha mente.

Uma das coisas que venho praticando mentalmente eh o pensamento consciente de aceitação da Salvação, do At onement.  Tento varias vezes por dia pensar que a separação nunca existiu.  Mas alem de pensar, eu sinto a conexão com o universo, como verdadeira, através da emoção.  Aceito dentro de mim, esta ligação.

Quanto ao ego, imagino que como não sou apenas um corpo mas Espírito, que este sistema de pensamento não eh verdadeiro.  Mas vou alem deste sentimento, me negando a participar de princípios falsos.

Qual e o lado da minha mente que quero alimentar?  Esta eh a pergunta que faço conscientemente.  Analisei todos as coisas que faço para alimentar este lado que tenho, como uso o tempo para me distrair da idéia de quem sou.

Quando analiso desta maneira, cada atitude, cada pensamento, posso ver a onde o ego esta influenciando as minhas decisões.  Com esta informação, posso conscientemente pedir ao Espírito Santo, que eh a parte ligada ao universo, que me ajude a ver o mundo através de Sua visão.

Este conceito nao  eh novo para mim, mas esta sendo lidado de uma maneira diferente, porque de alguma maneira eh onde preciso estar.  

Considero o que escrevi apenas uma gota d’água no oceano e que o crescimento espiritual consiste de uma serie de insights como o que tive esta semana. Mas tenho fe que se continuar a deixar o meu Ser sentir o que o universo esta me dizendo, aos poucos vou me deixando ser levada neste caminho circular, amparada pelo o universo. Ficando cientes destes dois sistemas poderosos de pensamento eh extremamente importante.  Acredito que conhecimento eh poder.

Mesmo depois de anos de estudos, fui relembrada mais uma vez que o ego na sua maneira intrincada de pensar, as vezes me faz esquecer que existe simplicidade na fe. 

Nestas horas eu me lembro da lição 109 “Eu descanso em Deus”
Esta lição me ajuda muito porque quando me sinto cansada de percorrer este caminho, sempre entre o ego e o Ser, eu posso contar com um Deus que me recebe de braços abertos, com carinho, passando a mao pela minha cabeça, dizendo que estou sendo iluminada por Ele, e que se parar um pouco eu posso ate ouvir a sua Voz. 

Apesar de entender que Deus não eh uma pessoa sentada esperando o meu chamado, mas uma fonte de energia eterna dentro de mim, fora de mim, abrangendo tudo que eh, as palavras da lição me confortam em saber que posso imaginar o meu Deus em certos momentos, da maneira que quero e que Ele me entende.

8 de mar de 2012

O TEMPO

No meu ultimo artigo intitulado Valores eu discuti o impacto diário das escolhas que fazemos baseados no temporal. Os  valores refletem o que pensamos ser, afirmando  a nossa identidade.  Uma vez que estes valores começam a ser substituídos pelos valores do eterno, a vida muda e a identidade criada pelas nossas experiências passadas começa a perder a sua influencia.  Aos poucos começamos a descobrir que somos estes seres gloriosos ligados a uma forca maravilhosa chamada universo.  

Neste artigo, gostaria de abrir a conversa um pouco mais e introduzir outro valor que usamos, na maioria das vezes completamente ignorantes do que estamos fazendo.  Este valor eh ainda mais difícil de se lidar ou pensar, porque eh muito sutil. Sem questionar nos usamos o conceito do  tempo na vida diária, sem por um minuto questionar o que fazemos.

A definição de tempo dada pelo glossary do Um Curso em Milagres eh a seguinte: "tempo eh uma parte integral da ilusão criada pelo ego no mundo de separação, em contraste com a eternidade, a qual existe apenas no universo.  Apesar de o tempo parecer linear, eh realmente contido em um pequeno instante, a qual já foi corrigido pelo  Espírito Santo, que em verdade nunca realmente aconteceu."

O tempo serve para preservar o passado.  As emoções que guardamos em relação ao passado são sempre carregadas de culpa.  Para aliviar estes sentimentos de culpa, o ego procura descarregar estas emoções através da projeção, no futuro. Quando fazemos isto, estamos ignorando o presente que eh a parte onde a eternidade reside.

Uma maneira de livrar a mente da culpa eh reconhecendo o passado como a causa da culpa e perdoando a idéia de pecado, em si mesmo e no próximo.
O conceito do tempo eh muitas vezes difícil de se entender por ser abstrato e fazer parte da vida diária.

Os ensinamentos do Curso são bem claros.  Existe o eterno e o temporal.  Tudo que o ego valoriza, eventualmente desaparecera,  se acreditamos no temporal,  aceitamos que também um dia vamos perecer, provocando sentimentos de medo do futuro.

Acreditando no eterno, sabemos que a vida continua e que apenas estamos de passagem a caminho de outras experiências.   No temporal, as emoções relacionadas com o corpo, como dores e alegrias, são sempre relacionados com um começo e um fim.

A mente pode sempre viajar ao passado, revivendo situações que foram boas ou mas.  Seja qual for a escolha, o resultado eh sempre o mesmo, a rejeição do presente. 

O valor que damos as memórias do passado e pensamentos futuros são colocados em termos de tempo. O presente fica esquecido porque na mente egoica o presente eh ignorado. As memórias do passado se tornam mais importantes do que esta acontecendo agora e na maioria das vezes usamos o presente para planejar o futuro.

Pensando no futuro muitas vezes criamos uma sensação de felicidade, porque na maioria das vezes imaginamos um cenário muito alem da realidade. O resultado desta maneira de pensar pode causar desapontamentos porque estamos valorizando as coisas que no tempo não existem.

Mas fazendo este exercício mental, estamos apenas tentando segurar a identidade criada pelo ego.  Este eh o custo que pagamos por não saber aceitar o eterno. A realidade de quem somos eh viver no presente.

Imagine a liberdade que poderíamos ter se aprendêssemos a viver no AGORA.  Sermos livres para sentir o poder do momento.  Sem estar presos ao passado ou a nevoa do futuro.

Poderíamos viver como Espírito, livre de restrições, leve, feliz, apenas interessado no que esta acontecendo neste momento libertando a mente das emoções do passado e futuro, e automaticamente alinhada com a energia do presente do universo. 

A importância de viver no presente, o beneficio que esta maneira de viver oferece e enorme.  Quando treinamos a mente a permanecer no presente, existe uma quietude interna.  Neste momento a voz interna pode ser escutada.  Alem disto, o medo por alguns momentos perde o seu poder.  Quando isto acontece, o universo eh a forca predominante.

Vivendo no presente, mesmo que por minutos ajuda a pessoa a distinguir entre a conversa incessante da mente e a quietude do eterno.  Quando permitimos o universo a participar da energia interna, coisas que pensávamos ser impossíveis se realizam.

Como disse anteriormente, o universo não quer remover o que temos, apenas acrescentar as coisas boas sobre a lei da abundancia.
Neste mundo imperfeito que criamos, estamos sempre amparados pela forca do universo.  Neste caso o Espírito Santo, a mente divina, usa o tempo para nos ajudar a sair deste sonho em que nos encontramos. 

Usando o tempo para desfazer a separação, o Espírito Santo mostra o caminho para a Salvação, (Atonement) através do perdão, do amor, do instante santo.  Enfim aos pouquinhos vamos entendendo que não somos maus como pensávamos, apenas seres perdidos a procura da casa que deixamos. 

Como podemos de uma maneira pratica aplicar este conhecimento nos dia a dia da vida?  

Tendo conhecimento do que fazemos ja eh uma grande coisa. Treinar a mente a permanecer no presente e outra maneira de vivermos mais concientemente. Deixar o passado ir embora, reconhecendo que as sombras do passado, as memórias estão impedindo o presente, de ser vivido.  Aceitar que o universo age no presente, a energia que existe no agora esta dentro de si, a sua volta.  Mantendo a mente no presente, afasta o medo.  Quando o medo esta ausente, a mente esta vibrando com o universo.  Nestas horas podemos ouvir a voz da sabedoria interna.

Um metodo de se obter este treinamento eh através da meditação. 

Uma aviso importante para aqueles que estão aprendendo os princípios do Curso ou estão apenas lendo estas palavras e pensando neste assunto pela primeira vez.

Eh importante ter conhecimento destes princípios e aplica-los quando estiverem prontos.  Eh preciso ficarem alertos para que o ego nao use estas informações para mais uma vez culpar e atacar a sua auto estima.  As informações chegam quando estamos prontos para elas.  Mas isto nao quer dizer que estamos prontos para usar imediatamente.  Este processo de crescimento leva anos.

A unica coisa que podemos fazer com os conhecimentos que temos eh pedir ao universo que nos ajude a usar quando estivermos prontos.