2 de set de 2012

UNIDADE (ONENESS)


Revisão dos princípios da UCEM

 Unidade          ( Oneness)

Para compensar a sensação de separação, isolamento, a ilusão de que somos sozinhos, estamos sempre a procura de alguém ou alguma coisa que preencha o vazio que pensamos ter.  Por esta razão criamos relações especiais.  Isto é, formamos relações especiais com certas pessoas esperando que elas preencham o que pensamos estar faltando internamente.

Tentando preencher este vazio muitas vezes entramos em relacionamentos errados, com pessoas erradas,  muitas vezes aceitamos situações que nos fazem pensar que de alguma forma estamos menos sozinhos.

O mundo criado na mente que pensa separadamente do universo, é  basicamente incompleto, simplesmente porque não estamos preenchendo a necessidade inerente da alma. Esta maneira de pensar que geralmente é baseada em experiências  passadas, dificultam a experiência de Ser, criando um conflito constante interno.  Mesmo que este conflito não seja consciente, ele existe.

 Ao mesmo tempo que sentimos a separação, nos queremos aproximação, sempre a procura da experiência do Ser.

O propósito do Curso é substituir a idéia de separação por a de união.

Como podemos fazer isto?

Primeiro entender que é realmente impossível ser separado e aceitar que esta idéia faz parte da ilusão.

A segunda coisa que precisamos fazer é aprender a experiênciar esta unificação (Oneness) internamente, para eventualmente se tornar uma realidade.  Pedindo ao Espírito Santo, que é a parte da mente ligada ao divino, para lhe mostrar o que este sentimento significa.  Meditação pode eventualmente levar a mente a sua essência, onde a alegria e a paz residem. 

O propósito é remover as barreiras que impedem os sentimentos de amor e alegria que residem internamente começarem a ser sentidos em vez dos pensamentos gerados pelo ego.  Entrando em contato com a parte verdadeira que somos, do Espírito, a luz pode penetrar.

Para obter este nível de sentimento precisamos no principio usar a imaginação.  Imagine ser um SER perfeito e invulnerável em harmonia com tudo que existe.

Procure um lugar tranqüilo, de preferência onde possa  imaginar e compartilhar o seu Ser com a natureza,  a água, as arvores, os passarinhos, como parte de um todo.   

Imagine que não existem barreiras entre você e tudo que lhe rodeia.  A experiência de pertencer, de fazer parte de um todo é poderosa, porque vai a raiz de quem realmente é.
Praticando esta idéia, concentrando na área do coração em vez dos pensamentos da cabeça, aos poucos aceitando o que sempre soube, não ha separação

Isto pode ser feito em qualquer lugar onde se sentir confortável, se não tiver a natureza ao seu redor.  O importante é se ver parte de um todo.

Com o tempo e a pratica,  a pessoa pode ter acesso a este sentimento sempre que quiser. Passa a ser parte de quem é, de uma maneira mais consciente trazendo paz e calma internamente.  Mesmo que seja por uns momentos no começo ou por algumas horas mais tarde, este sentimento abre as portas para o Espírito Santo, a parte divina ser a força predominante pelo menos por uns momentos.  O importante é experiênciar em vez de pensar.  Cada vez que estas experiências ocorrem, a consciência expande e se aprofunda, trazendo insights da realidade divina.  Amor é a realidade divina.

Nestes momentos ou horas que dedicamos a parte divina somos unidos com tudo que existe e conseqüentemente com o Amor divino.

Oneness abrange cada pessoa, cada folha, cada cadeira e  mesa, porque faz parte da energia de quem somos.  O Ser é um com tudo que existe.

Eventualmente a imaginação torna-se realidade, trazendo a liberdade de amar, de Ser, de sair da ilusão.

Quando estamos em sintonia com este sentimento de unidade, estamos menos vulneráveis as idéias do ego de sermos sozinhos, dependentes de um sorriso, ou uma aprovação de outras pessoas.

Internamente sabemos que Deus é um e que todos nos participamos Dele. Estas experiências neutralizam os sentimentos de solidão que aparecem freqüentemente.  Uma vez que sentimos a unidade com o universo, podemos desafiar a idéia de solidão criada pelo ego. 

Nos temos este poder, “ A minha salvação vem de mim” diz a lição 70.
Esta lição afirma que tudo que acontece vem de dentro de cada um.  Podemos criar ilusões ou podemos criar o paraíso interno junto com Deus, junto com a harmonia do universo.

Gostaria de compartilhar com vocês de uma maneira mais pessoal e passar adiante o que aprendi com  os monges do Self Realization Center, fundado pelo o yogui Paramanhansa Yogananda, que uso muito com ótimos resultados.  Eles ensinam a pedir a Deus que se revele a você  “Please God, reveal Thyself to me”  Quando estou quieta, eu peço a Ele para se revelar a mim.

 Experimente, com toda a  fé que tenha dentro de si e me conte os resultados.  Amem.